Vereador defende a implantação de Ciclovia ao lado da Linha Férrea Paraíba, 15/09/2011

Vereador defende a implantação de Ciclovia ao lado da Linha Férrea

     Após realizar no final do mês de agosto passado, uma Sessão Especial, que teve como objetivo debater politicas públicas de estímulo à criação das ciclovias, o vereador Olimpio Oliveira (PMDB) está solicitando ao Prefeito Veneziano Vital do Rêgo e ao Secretário de Planejamento, Ricardo Pedrosa, a realização de estudos para verificar a viabilidade técnica e legal para a implantação de uma CICLOVIA ao longo do percurso da linha ferroviária que corta o nosso município.
     Em sua solicitação o vereador considera que ao analisar a realidade de Campina Grande, verifica-se o uso crescente da bicicleta como meio de transporte para o trabalho e estudo, além das atividades de lazer, necessitando, assim, de tratamento adequado ao papel que desempenha nos deslocamentos urbanos de milhares de pessoas, exigindo uma política pública de abertura de ciclovias e ciclofaixas para facilitar a circulação das bicicletas.
     De acordo com o parlamentar a nossa cidade tem o privilégio de ser cortada pela Linha Ferroviária que no passado impulsionou o nosso progresso no passado. Os trilhos cortam a cidade de ponta a ponta desde a partir do Bairro do Araxá, onde temos o Hospital da FAP, passando nas imediações da Escola Redentorista, Universidade Estadual da Paraíba e Universidade Federal de Campina Grande. 
     O parlamentar destacou também que após sair da UFCG o caminho segue pelos Bairros do Pedregal, Santa Rosa, Centenário, Quarenta (ao lado dos prédios das forças policiais), Estação Velha (por trás do Hiperbompreço), Tambor, Itararé, Catolé, Distrito Insdustrial e Galante, ou seja, um recurso fantástico para um novo desenho urbano, capaz de proporcionar à Mobilidade Urbana Sustentável.
     Segundo Olimpio, é necessário o uso de bicicletas na cidade, pois com a construção dessa ciclovia estimularia a mudança de hábito dos campinenses, que certamente passariam a usar mais a bicicleta como meio de transporte, pois este é o meio de transporte de baixo custo, com forte impacto na melhoria da qualidade de vida do indivíduo e melhoria da mobilidade urbana. “A bicicleta foi eleita pela Organização das Nações Unidas (ONU) como símbolo do transporte saudável” destacou o peemedebista.





Assessoria de Comunicação