Boqueirão: Câmara apela à Dilma por diagnóstico e gestão do açude Paraíba, 10/04/2013

Boqueirão: Câmara apela à Dilma por diagnóstico e gestão do açude

      A Câmara Municipal de Campina Grande aprovou por unanimidade na manhã desta terça-feira (09), o requerimento de autoria do vereador Olimpio Oliveira solicitando à Presidente da República, Dilma Rousseff e ao Ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, providências urgentes para que a recém criada Força Nacional de Emergência Contra a SECA faça um diagnóstico da real capacidade hídrica do Açude Epitácio Pessoa, no município de Boqueirão-PB, assim como adote medidas para gerenciar o que resta de água naquele reservatório. 
      Conforme estudo apresentado na sessão especial da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), realizada no auditório da FIEP, no último dia 22 de março, o qual prevê que cerca de 1 milhão de pessoas podem ficar sem abastecimento de água a partir de 2014 no compartimento da Borborema. Segundo o pesquisador Janiro Costa Rêgo, da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), a falta de controle entre a demanda e a oferta de água deve provocar o colapso do açude Epitácio Pessoa, em Boqueirão, no Agreste paraibano.
      Segundo Olimpio, o reservatório construído pelo Dnocs possui capacidade de 411 milhões de metros cúbicos de água, estando atualmente com 54,3% de seu volume, segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa) da Paraíba. “Apesar da gravidade dos números apresentados, não há qualquer gerenciamento sobre as águas do Açude Epitácio Pessoa, onde, para complicar, é intensa a atividade da agricultura irrigada, sem qualquer controle ou notícia sobre outorgas concedidas para esse fim”, considerou Olimpio.
      Olimpio disse que temos que aproveitar esse momento para salvar o que resta do Açude de Boqueirão, pois, a presidente Dilma Rousseff anunciou no último dia 02 de abril, em plena reunião da SUDENE, na cidade de Fortaleza-CE, a criação de uma Força Nacional de Emergência contra a seca, além de um observatório. Ela será coordenada pelo Ministério da Integração Nacional e terá como primeira missão fazer um diagnóstico do abastecimento de água na região afetada pela seca. 
      Após a Sessão, o vereador Nelson Gomes Filho, presidente da CMCG, encaminhou um telegrama para presidente Dilma Rousseff reproduzindo o teor do requerimento do vereador Olimpio Oliveira.





Assessoria de Comunicação