Vereador denuncia ao MP que Conjuntos foram entregues sem ofertar serviços públicos essenciais Paraíba, 15/04/2016


Vereador denuncia ao MP que Conjuntos foram entregues sem ofertar serviços públicos essenciais

Vereador denuncia ao MP que Conjuntos foram entregues sem ofertar serviços públicos essenciais

O vereador Olimpio Oliveira esteve esta semana no Ministério Público, onde protocolou quatro “NOTÍCIAS DE FATO” denunciando que os Conjuntos Habitacionais Acácio Figueiredo e Raimundo Suassuna, no Bairro da Catingueira, foram entregues sem ofertar serviços públicos essenciais como: Unidades Básicas de Saúde da Família; Iluminação Pública em diversas ruas; Posto Policial, sem falar que os moradores não contam com o serviço de entrega de correspondências por parte dos Correios.

Os dois Conjuntos foram entregues em meados de setembro do ano passado, em grande solenidade promovida pelo Governo do Estado da Paraíba e pela Presidência da República, entes governamentais responsáveis pela edificação das 1.948 casas entregues.

Segundo Olimpio, o sonho da casa própria está se transformando em pesadelo: “As pessoas estão sofrendo com a insegurança, pois são muitos os registros de arrombamentos. Por outro lado, a escuridão impera no local, a iluminação pública é precária e para piorar a prefeitura cobra a Taxa de Iluminação Pública sem fornecer tal serviço em muitas ruas. Além disso, há um Canal que separa os dois Conjuntos e que dificulta o acesso às Escolas e à Creche, exigindo a urgente construção de uma ponte sobre o Canal. Há também os dois prédios onde deveriam funcionar duas Unidades Básicas de Saúde, os quais estão abandonados e servindo de abrigo para os marginais.Enfim, são muitos os problemas a requerer uma ação enérgica do Ministério Público para que aquelas comunidades não caiam no esquecimento”, protestou Olimpio.

 

 





Assessoria de Comunicação